Ana Poli e Cris do Barreto voltam a cobrar Anatel por melhoria nas redes de internet e celular em Arujá

12ago
image_pdfimage_print

As vereadoras Ana Cristina Poli (PL) e Cristiane Araújo Pedro (PSD), a Profª Cris do Barreto, voltaram a cobrar providências da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) em relação a insuficiência de redes e antenas para conexão à internet e uso de aparelhos de celular em Arujá.

O problema se arrasta há anos e afeta, principalmente, moradores das áreas rurais. Com a pandemia e o aumento do uso da Internet para trabalho, estudo e lazer, a situação ficou ainda pior e até mesmo moradores que vivem em bairros próximos ao Centro estão tendo dificuldades de comunicação.

“A precariedade da rede aqui em Arujá afeta os negócios e impede a expansão de empresas. E agora, com a COVID-19, vários alunos também tiveram problemas de acompanhar as aulas à distância”, explicou Ana Poli aos representantes da Anatel durante reunião on line ocorrida em 28/7 por intermédio do gabinete do deputado federal Roberto de Lucena (Podemos).

A vereadora Cris do Barreto que também esteve no encontro reforçou as reclamações da colega parlamentar e acrescentou: “Queremos que a Anatel atue para agilizar a expansão da rede de telecomunicações em nossa cidade. É um absurdo, em pleno século 21, ainda termos bairros onde não é possível sequer fazer uma ligação de celular”.

Segundo informou a Anatel, uma das concessionárias do serviço de telefonia do Estado de São Paulo apresentou um plano de expansão que se estende até 2021, sendo que a perspectiva é que todas as localidades sejam atendidas com o serviço de telecomunicações até 2023.

A agência, porém, não soube informar se a operadora, por exemplo, cumpriu a meta estabelecida para 2019. No ano passado, a empresa deveria atender 10% da demanda; neste ano, 25% e em 2021, 45%, alcançando 100% daqui a três anos.

Por conta disso, as vereadoras irão solicitar, oficialmente, o relatório de acompanhamento da expansão, além do plano de metas estabelecido para a Região Metropolitana de São Paulo, incluindo Arujá, a fim de definir como o Legislativo poderá atuar para que este processo seja executado com maior agilidade.

A Anatel se colocou à disposição das parlamentares e garantiu que encaminhará o documento, logo que receber o pedido oficial.

Assessoria de Comunicação

imprensa@camaraaruja.sp.gov.br

renan@camaraaruja.sp.gov.br

(11) 4652-7015

Texto: Silmara Helena

Fotos: Imprensa/CMA

10/08/2020