Ana Poli sugere monitoramento por câmeras em escolas

15out
image_pdfimage_print

A vereadora Ana Cristina Poli (PL) sugeriu ao Poder Executivo que avaliasse a possibilidade de implantar um sistema de monitoramento por câmeras de vídeo e porteiro eletrônico nas unidades escolares do município. A Indicação de nº 4230/2019 foi aprovada na Sessão Ordinária de 26/08.

Segundo a vereadora, a medida é necessária para proporcionar mais segurança aos pais, alunos e funcionários. “É interesse da sociedade como um todo dispor de mecanismos para coibir atos de violência nas escolas. A indicação que faço ao prefeito vai neste sentido”.

Ainda de acordo com a parlamentar, as imagens armazenadas nos sistemas de monitoramento somente poderiam ser requisitadas em casos de investigação criminal ou fiscalizações específicas.

Vistoria de prédios

Ainda na linha de segurança dos estudantes, a vereadora faz menção ao Projeto de Lei nº 244/2019, de sua autoria, que institui a vistoria periódica a prédios escolares do Município.

De acordo com o projeto, uma Comissão deverá ser constituída pelo Poder Executivo e formada por profissionais da área de construção civil, membros dos conselhos municipais e gestores públicos. Ao grupo, caberá vistoriar as unidades e elaborar relatório detalhando as condições estruturais de cada uma delas, além de elaborar diretrizes para orientar as reformas a serem executadas, conforme as características do espaço físico, modalidade de ensino e métodos pedagógicos.

Câmara Municipal de Arujá

Assessoria de Comunicação

www.camaraaruja.sp.gov.br

imprensa.camaraaruja@gmail.com

renan@camaraaruja.sp.gov.br

(11) 4652-7000 / 7067

Publicado em 15/10/2019

Texto: Renan Xavier