Câmara valoriza iniciativas na área de Educação

01dez
image_pdfimage_print

Iniciativas e projetos educacionais têm sido valorizados pela Câmara de Arujá. Três proposituras, aprovadas por maioria do plenário nas últimas sessões ordinárias, demonstram o apreço dos vereadores por ações capazes de estimular o talento e a capacidade de crianças e jovens.

A petebista Maria Lúcia de Souza Ribeiro, a Lúcia Ribeiro, apresentou e teve aprovadas moções de parabenização, nas quais, reconheceu a importância de dois trabalhos: o primeiro, do enxadrista Jorge Melecsevisc, autor do livro Manual do Enxadrismo Escolar, e, o segundo, da professora Vanessa Garcia Diniz, idealizadora do Imaginando o Futuro.

23.11.2015_Lucia_Vanessa

Vereadores e a professora Vanessa Diniz

“Jorge é um vitorioso, um guerreiro e um batalhador que escreveu o livro com seus próprios recursos. Vanessa é empreendedora, responsável por um projeto que leva os jovens à reflexão e à busca de uma profissão. Ambos são merecedores dessa homenagem”, disse a parlamentar.

O Manual de Enxadrismo orienta o aprendizado do esporte, despertando o raciocínio. De família com origem na Hungria, Jorge também é praticante da modalidade e conquistou diversos torneios representando Arujá. “Fico honrado com esta homenagem, pois Jorge é um patrimônio de nossa cidade e este livro ajudará muito na grade curricular de nossa rede”, afirmou Gabriel dos Santos (PSD), líder do Governo na Casa.

16.11.15_Jorge_Lucia

Jorge Melecsevisc e Lúcia Ribeiro

Para Vanessa Diniz, os elogios não foram diferentes. O vereador Wilson Ferreira da Silva (PSB), o Dr. Wilson, ressaltou como o projeto Imaginando o Futuro é fundamental em um momento de decisão na vida de um jovem. “Quando existem propostas e iniciativas capazes de ajudar a juventude em uma fase, muitas vezes, conturbada, elas precisam ser reconhecidas”, afirmou.

“Gostaria de parabenizá-la, Vanessa, pois os melhores profissionais são aqueles que gostam do que fazem e esta metodologia desperta nos jovens a sua real vocação”, salientou Edvaldo de Oliveira Paula (PTB), o Castelo Alemão. 

O Imaginando o Futuro, criado pela professora Vanessa Diniz, teve seu piloto desenvolvido na Escola Estadual Benedito Manoel dos Santos, no bairro do Limoeiro, e tem como objetivo atender jovens entre 16 e 19 anos, estimulando-os a lutar pelos seus sonhos e pela profissão que desejam seguir. Desenvolvido em cinco fases, o Imaginando o Futuro envolve alunos, professores, pais e profissionais.

A Escola Estadual Esli Garcia Diniz repetiu o feito de 2014 e recebeu novamente uma distinção do Legislativo. Anualmente, os estudantes apresentam peças teatrais como atividade da disciplina de Inglês, ministrada pela professora Andreia de Ávila Valesi Célio. Este ano aos alunos encenaram o Corcunda de Notre Dame, Meu Malvado Favorito e Shrek.

23.11.15_Esli_mocao_2

Caroba e Gil, autores da moção, ladeiam professora Andreia do Esli

A moção de parabenização foi elaborada pelos vereadores Renato Bispo Caroba (PT) e Gilberto Daniel (sem partido), o Gil do Gás. “É um belíssimo trabalho no qual se percebe o engajamento de pais, professores e alunos. É simplesmente magnífico”, disse Caroba ao lamentar a falta de apoio da Secretaria de Cultura. “Este espetáculo deveria integrar a agenda cultural de nossa cidade”, sugeriu.

Gil do Gás disse que o profissionalismo mostrado comprova que há dedicação. “Fiquei realmente encantado”. José Sidnei Schaide (sem partido), o Cocera Cabelo, reforçou estar à disposição dos alunos e espera que em 2016 haja um aperfeiçoamento e o “espetáculo seja ainda melhor”.

Líder do PSDC, Sebastião Vieira de Lira, o Paraíba Car, também elogiou a persistência dos alunos. “Nem tudo depende de dinheiro, pois a garra e a determinação fazem com que as dificuldades possam ser superadas. Vocês são verdadeiros atores.”

Cópias das respectivas moções foram encaminhadas aos homenageados.

 

 

Câmara de Arujá
Assessoria de Comunicação
imprensa@camaraaruja.sp.gov.br
4652-7015
Publicado em 01/12/2015