Caroba pede explicações da Sabesp sobre falta de água no Jardim Pinheiro

07maio
image_pdfimage_print

O vereador Renato Bispo Caroba (PT) quer explicações da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) sobre a constante falta de água nas ruas Tuim, Juriti, Macuco e Canário no Jardim Pinheiro, em Arujá.

Ele apresentou e teve aprovada na sessão ordinária da última segunda-feira (4/5), a moção de apelo nº 180/2015, na qual relata o drama vivido pelos moradores daquela localidade que chegam a ficar cinco dias sem água. “É notória a dificuldade dessas pessoas e o tratamento desigual recebido, pois com a diminuição da pressão elas passam dias sem água, diferentemente, de outras regiões da cidade. Ainda assim estão pagando contas altíssimas pelo consumo. Consumo de ar”, salientou o parlamentar.

Em recente reunião com a Sabesp em Suzano, Caroba abordou o assunto e cobrou medidas da estatal. A empresa negou a existência de rodízio e alegou necessidade de instalação de um booster (bomba) para garantir o abastecimento. “O problema é que não há prazo para que esta obra seja feita”, afirmou o vereador ao ressaltar que a diminuição da pressão já obriga estes moradores a um “rodízio indireto”.

“Esta moção veio a calhar, pois vivemos um caos no Jardim Pinheiro”, disse o republicano José Sidnei Schaide (PR) ao defender inclusive a apresentação de uma moção de repúdio. “Há muito tempo falta água lá, mas as pessoas recebem conta de R$ 800,00”, relatou.

Gabriel dos Santos (PSD) reforçou a importância da propositura, “as pessoas tem sofrido muito” e disse que a falta de água causa “descompasso nos hidrômetros”. O presidente da Casa, Reynaldo Gregório Junior (PTB), o Reynaldinho, afirmou que irá subscrever a moção e disse ser preciso “exigir  que a Sabesp cumpra suas funções enquanto responsável pelo fornecimento de água potável à cidade”.

Cópias da moção também serão enviadas ao governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), e à Prefeitura de Arujá.

 

 

 

Câmara de Arujá

Assessoria de Comunicação

imprensa@camaraaruja.sp.gov.br

4652-7015

Publicada em 07/05/2015