Castelo Alemão acompanha ações de acessibilidade no trânsito e antecipa mudanças

09ago
image_pdfimage_print

O vereador Edvaldo de Oliveira Paula (PSC), o Castelo Alemão, acompanhou a equipe da Prefeitura de Arujá e o secretário de Serviços Leandro Larini à Avenida dos Expedicionários, na manhã da última terça-feira (8/8), para verificar o andamento dos trabalhos de reforço da sinalização de solo, pintura de faixa de pedestres e substituição de tachões realizados no local. A ação, que já alcançou outros pontos da área central, entre os quais, as avenidas Mário Covas e parte da Antônio Afonso de Lima, além das ruas Monteiro Lobato e Raposo Tavares, lembrou o Dia Mundial do Pedestre.

(da esq para a direita) Leandro Larini, secretário de Serviços, e Castelo Alemão, vereador, conferem ações de acessibilidade e pintura de faixa

“Os serviços estão sendo executados com recursos do estacionamento rotativo (Zona Azul)”, explicou Larini. Segundo ele, do total arrecadado pela empresa, 36% são revertidos para a cidade – ou algo em torno de R$ 29 a R$ 32 mil/mensais. “É este dinheiro que está sendo aplicado”, esclareceu. O trabalho também incluiu a construção de rampas nas calçadas para acessibilidade de cadeirantes e/ou pessoas com deficiência e mobilidade reduzida.

Trecho da avenida Expedicionários que recebeu melhorias na sinalização do solo e na acessibilidade

“A Câmara aprovou um Plano de Acessibilidade que prevê criar uma condição mais favorável a quem transita pelas ruas, principalmente, os deficientes, e, por vezes, encontra uma série de obstáculos. Acredito que este é um bom começo”, avaliou Castelo Alemão, um dos que reivindicaram a providência.

As melhorias também já chegaram à divisa da cidade, próximo à Itaquá, e na Estrada dos Índios na região dos condomínios.

A meta, segundo o secretário, é alcançar os bairros até dezembro deste ano.

Mudanças

Durante a vistoria, Castelo e Larini também conversaram sobre a necessidade de mudanças no trânsito. O vereador sugeriu a construção de uma rotatória em frente à Escola Estadual Esli Garcia Diniz a fim de disciplinar o tráfego e melhorar a segurança dos pedestres. “Esta proposta está sendo estudada pela Prefeitura. Nossa expectativa é que seja executada em breve”, afirmou.

Ele também adiantou que poderá haver alteração de mão de direção nas ruas Major Benjamin Franco e Rodrigues Alves. O pedido, feito pela comunidade católica, tem apoio de Castelo e está sendo avaliada pelos técnicos da Prefeitura.

 

Assessoria de Comunicação

imprensa.camaraaruja@gmail.com

imprensa@camaraaruja.sp.gov.br

(11) 4652-7015

Publicado em 09/08/2017

Fotos: Imprensa/CMA