Comemoração do 20 de novembro ressalta capacidade de superação do povo negro

26nov

A solenidade em comemoração ao Dia da Consciência Negra, organizado pelo vereador Gabriel dos Santos (PSD), na Câmara de Arujá, destacou a capacidade de superação do povo negro e à luz da memória de Zumbi, último líder do Quilombo do Palmares, lembrou a luta dos ancestrais africanos pela liberdade e, na atualidade, personalidades negras e afrodescendentes da cidade que, apesar das dificuldades, conseguiram ascender e se destacar em suas respectivas áreas de atuação profissional. Vinte e oito pessoas foram homenageadas. No diploma, além do reconhecimento da trajetória, duas palavras no idioma africano: Kanimambo! Baie Geluk! – Obrigado! Parabéns!

19.11.15_Wagner_Silva_1

Wagner Silva, funcionário da Casa, e João Baiano, que foi vereador, presidente da Casa e prefeito de Arujá

Trecho do filme Amistad sobre a história verídica do julgamento de um negro que liderou uma rebelião em um navio vindo da África para os Estados Unidos, abriu a cerimônia conduzida, inicialmente, pelo presidente da Casa, Reynaldo Gregório Junior (PTB), o Reynaldinho. A atividade alternou momentos de reflexão, como o da palestra com a professora Paulina Ribeiro, e apresentações musicais com a participação da Orquestra Municipal, do Coral da Associação Soga Gakkai de Arujá e de músicos locais.

“Somos uma geração privilegiada. A Lei Áurea (assinada pela princesa Isabel em 1.888, após 300 anos de escravidão) fez com que muitos negros saíssem das fazendas e fossem lançados à própria sorte. Gerações como a minha chegaram à universidade, galgaram posições na sociedade com dignidade, com honra, com cabeça erguida, mas para isso, muitos tiveram de enfrentar o choro, o chicote o tronco”, disse Gabriel.

19.11.15_Antono_Nascimento

Antônio Nascimento, ladeado por Gabriel e Adjalma do Carmo Tereza, o Didi

Paulínia, em sua explanação, destacou a necessidade de pais e educadores formarem cidadãos capazes de aceitarem as diferenças, independente da cor da pele. “O nosso raio X não diverge. Temos todos um coração, dois rins, um cérebro. Os ossos são brancos, o coração bombeia sangue. A diferença está na ignorância”, criticou.

A diretora da Escola Estadual Washington Luiz Pereira de Souza Givânia Aparecida de Fátima Silva falou em nome de todos os homenageados e pediu o fim da intolerância e do preconceito.

Participaram da atividade, realizada no último dia 19/11, o prefeito de Arujá, Abel José Larini (PR) e os vereadores Wilson Ferreira da Silva (PSB), o Dr. Wilson, Maria Lúcia de Souza Ribeiro (PTB), a Lúcia Ribeiro, Edvaldo de Oliveira Paula (PTB), o Castelo Alemão, Jussival Marques de Souza (PMDB) e Gilberto Daniel (sem partido), o Gil do Gás, vice-presidente do Legislativo.

 

Os homenageados
Antônio Benedito Barbosa do Nascimento – primeiro profissional de golfe negro no Brasil
Caio Pereira da Silva, líder comunitário
Edna Aparecida Gomes, psicóloga
Elaine Cristina Ferreira Lima Barbosa –arquiteta
Eliana da Silva, empreendedora
Elizeu de Oliveira Grijó – carreteiro
Florisvaldo Jesus Souza, marmorista
Francisco de Assis Trindade, canteiro
Givânia Aparecida de Fátima Silva – diretora da escola estadual Dr. Washington Luiz Pereira de Souza
Henri Roberto Leite, maestro da banda e da Orquestra Municipal
Idalícia Inocêncio da Silva, pastora da Assembleia de Deus
Kiciana Francisco Ferreira Mayo, advogada e procuradora do Município de Arujá
Jefferson de Ribamar de Lemos Silva, Dedé Lemos – presidente da Associação dos Músicos de Arujá
João Pedro dos Santos, João Baiano, ex-vereador e primeiro prefeito negro de Arujá
José Roberto Vieira de Oliveira, Beto da Farmácia, farmacêutico
João Tadeu de Oliveira – auditor de qualidade
Leandro Severo Duarte, engenheiro de mecatrônica
Levi Gregório, fotógrafo
Luiz Fernando Assunção dos Santos, analista de suporte e TI
Maria de Lourdes Santos Silva, educadora e coordenadora da EI da Prefeitura de Arujá
Miquéias Pinto, o Mika, primeiro sargento e músico da Polícia Militar do Estado de São Paulo
Odário Ambrósio Nunes, funcionário municipal
Raimundo Santana Souza Filho, empresário
Rosana Oliveira, Miss Arujá
Sandra Regina Silva dos Santos, jornalista
Severino da Silva Cabral, pastor e comerciante
Sidnei Muniz dos Santos, delegado titular de Polícia da Cidade de Arujá
Tadeu de Oliveira, auditor de qualidade e maestro do coral Seigan da ABSGI
Wagner José da Silva, professor e funcionário da Câmara

 

Câmara de Arujá
Assessoria de Comunicação
4652-7015
imprensa@camaraaruja.sp.gov.br
Publicada em 26/11/2015
Fotos: Gustavo de Paulla/Diário de Arujá

image_pdfimage_print