Confira o que foi discutido na Sessão Ordinária de 05/09

11set
image_pdfimage_print

O destaque da 68ª Sessão Ordinária de 05/09 ficou por conta da leitura e deliberação sobre o recebimento da denúncia apresentada pelo vereador Renato Bispo Caroba (PT) para apuração de suposta infração político-administrativa praticada pelo prefeito José Luiz Monteiro (MDB), quando da publicação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) 2019. Por 11 votos a 4, a Câmara rejeitou, em única votação, a formação de uma Comissão Processante para apurar a denúncia.

Ainda houve a aprovação de 25 indicações e 22 requerimentos de informações destinadas ao Poder Executivo, dentre os quais, o requerimento de nº 1526/2018 do vereador Edimar do Rosário (PRB), o Pastor Edimar de Jesus, solicitando informações sobre a arrecadação proveniente da Contribuição para Custeio dos Serviços de Iluminação Pública (CIP) de Arujá. Outro requerimento aprovado foi o de nº 1533/2018, de autoria do vereador Rafael dos Santos Laranjeira (PSB) que solicitou ao Executivo cópia do estudo de impacto viário causado pela construção do Edifício Neo Life (conforme alvará 14.877/2017), localizado na Chácara São José.

No início do encontro parlamentar, o 1º Secretário da Mesa Diretora, Gabriel dos Santos (PSD), procedeu à leitura da correspondência de nº 311/2018 contendo as respostas do governo José Luiz Monteiro (MDB) aos requerimentos de nº 1.453 a 1.481/2018.

Durante a Palavra Livre, ocasião em que os vereadores têm até cinco minutos para debater sobre questões de interesse da cidade, o tema predominante foi a evolução registrada pela Educação arujaense no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) de 2017. Predominaram elogios à classe docente, com ressalvas dos vereadores Edvaldo de Oliveira Paula (PSC), o Castelo Alemão, e Rogério Gonçalves Pereira (PSD), o Rogério da Padaria. Castelo chegou a sugerir a abertura de uma Comissão Especial de Inquérito (CEI) para apurar a responsabilidade de servidores do setor em uma suposta falsificação de certificados; já Rogério, elogiou o empenho dos professores da rede, mas cobrou comprometimento e apuração sobre o excessivo registro de faltas abonadas.

 

 

Câmara Municipal de Arujá

Assessoria de Comunicação

www.camaraaruja.sp.gov.br

imprensa.camaraaruja@gmail.com

imprensa@camaraaruja.sp.gov.br

(11) 4652-7015

Texto: Renan Xavier

Fotos: Imprensa/CMA