Em coletiva, Comissão Processante apresentará parecer e próximos passos de investigação

20jul
image_pdfimage_print

Os integrantes da Comissão Processante, instaurada na Câmara de Arujá para apurar denúncia sobre suposta falta de decoro do prefeito José Luiz Monteiro (MDB) e de seu vice Márcio José de Oliveira (Republicanos), concederão entrevista nesta terça-feira (21/7), às 11h30, para apresentar o parecer elaborado pelo relator Julio Taikan Yokoyama (PROS), o Julio do Kaikan, e falar sobre as próximas fases da investigação. A coletiva será concedida na sede do Legislativo (Rua Rodrigues Alves, nº 51, Centro, Arujá).

Presidida pelo vereador Abel Franco Larini (PL), o Abelzinho, a Comissão Processante foi formada por meio de sorteio em 15/6 durante a 141ª Sessão Ordinária na qual o Plenário da Casa Legislativa acatou denúncia formulada pelo vereador Renato Caroba (PT) contra José Luiz e Dr. Márcio Oliveira. Na avaliação do denunciante tanto o prefeito quanto o vice teriam cometido infrações político-administrativas, previstas no Decreto nº 201/67, com destaque para os incisos VII – Praticar contra expressa disposição da lei, ato de sua competência ou omitir-se na sua prática; e X – Proceder de modo incompatível com a dignidade e o decoro do cargo.

A CP segue rito estabelecido no Decreto Federal nº 201/67, e além do presidente Abelzinho e do relator Júlio do Kaikan, é composta pelo vereador Edval Barbosa Paz (PSDB), o Profº Edval, como vice-presidente.

Assessoria de Comunicação

www.camaraaruja.sp.gov.br

imprensa.camaraaruja@gmail.com

silmara@camaraaruja.sp.gov.br

(11) 4652-7015/ 4652-7000 (ramal 7067)

Publicado em 20/07/2020

Fotos: Imprensa/CMA