Em entrevista coletiva, Gabriel anuncia intenção de mudar horário das sessões para as 18h

14jan
image_pdfimage_print

Em entrevista coletiva que reuniu sete veículos de comunicação da região, o presidente da Câmara de Arujá, Gabriel dos Santos (PSD), defendeu a alteração do horário de início das sessões ordinárias para as 18h. Atualmente, as sessões são realizadas todas as quartas-feiras, às 14h, o que, na avaliação do pessedista, restringe a participação dos munícipes que trabalham em horário comercial.

“A intenção do grupo político que me elegeu presidente, e tenho certeza que de todos os vereadores, é aproximar o povo da Casa de Leis, facilitar o acesso, a transparência e o acompanhamento dos trabalhos legislativos pelos arujaenses”, defendeu.

O encontro com a imprensa ocorreu na manhã de segunda-feira (13/01), na sala da Presidência. Na ocasião, Gabriel ainda apresentou aos jornalistas os “pilares” do que será seu trabalho à frente do Legislativo.

Inicialmente, o presidente ressalvou que 2020 será um ano atípico, com algumas restrições orçamentárias em função das eleições municipais. O parlamentar disse que sua meta será promover uma responsável contingência de gastos na Câmara. “A responsabilidade com o dinheiro público será uma de minhas marcas como gestor”.

Gabriel também apresentou como uma de suas metas promover uma ampla revisão do Regimento Interno da Câmara a fim sanar situações práticas sem previsão no texto. “Trata-se de adequar o regimento à atual realidade legislativa, evitando situações que hoje esbarram na falta de uma previsão regimental”, declarou Gabriel.

Integração regional

O presidente do Legislativo ainda destacou que pretende resgatar a integração político-administrativa das onze câmaras municipais do Alto Tietê. Segundo o parlamentar, o objetivo seria criar um canal de compartilhamento de estudos, relatórios e projetos de lei, assim como de boas experiências legislativas. “Diversos temas superam as divisas dos municípios e devem ser tratadas regionalmente, como as políticas de mobilidade intermunicipal, corredores metropolitanos, regulamentação de serviços de transporte por aplicativo, entre outras. Importante destacar ainda que os bairros de divisa devem ser muito beneficiados por uma atuação parlamentar integrada”, avaliou Gabriel.

Relação com o Executivo

Questionado por um dos repórteres sobre como seria sua relação com o Executivo, o presidente foi categórico: “será uma relação institucional”. “Não tenho nada contra o prefeito. Aquilo que for bom para o arujaense será apoiado, mas se for prejudicial iremos fiscalizar e apontar o erro”, antecipou.

Também presente à coletiva, o vereador Júlio Taikan Yokoyama (PSDB), o Júlio do Kaikan, reforçou a importância de uma atuação colaborativa entre os poderes Legislativo e Executivo para o bem comum dos munícipes.

O vereador Rogério Gonçalves Pereira (PSD), o Rogério da Padaria, por sua vez, disse que sua atuação neste ano será no sentido de fiscalizar, inclusive, a execução do convênio firmado com a Caixa Econômica para construção do hospital municipal. “Só iremos comemorar quando a obra for entregue”, disse.

Assessoria de Comunicação

imprensa@camaraaruja.sp.gov.br

renan@camaraaruja.sp.gov.br

(11) 4652-7000 / 7067

Texto: Renan Xavier

Fotos: Imprensa/CMA

One thought on “Em entrevista coletiva, Gabriel anuncia intenção de mudar horário das sessões para as 18h

  1. […] Leia mais sobre o assunto: Em entrevista coletiva, Gabriel anuncia a intenção de mudar horário das sessões para as 18h. […]

Comments are closed.