História da Câmara

1960

A Câmara de Arujá começa a funcionar em um prédio localizado na Rua Benjamin Franco. Considerado a primeira sede da Casa Legislativa, o local foi adaptado para receber os vereadores e atender às necessidades de organização política-administrativa do novo município – até então Arujá era distrito de Santa Isabel.
Por isso, o prefeito da agora cidade vizinha, José Basílio Alvarenga, em um gesto de cortesia, cedeu um de seus
Os três Homens
funcionários, Benedito Branco de Morais, para auxiliar nos trabalhos de constituição do Legislativo
de Arujá como secretário.
O presidente estreante da Casa, Benjamin Manoel, também recebeu importante ajuda do primeiro prefeito de Arujá, Julio Barbosa de Souza, que transferiu o setor administrativo da Prefeitura para uma única sala e, ao lado desta, instalou o plenário e a Mesa Diretora. Os móveis, cadeiras pesadas e maciças, foram cedidos pelo Dr. Jacintho da Rocha Brito que, à época, realizava reforma no prédio do Fórum de Santa Isabel. E assim a Câmara foi inaugurada permanecendo neste endereço até 1979.

 

1979

Ano da inauguração da nova sede da Câmara de Arujá agora instalada no número 76 da Praça Dalila Ferreira Barbosa, no Centro, onde funcionou de janeiro de 1979 a dezembro de 1994. Composto por 11 parlamentares, o Legislativo era presidido pelo vereador Raimundo Teófilo Damasceno (1/02/1977 a 31/01/1979). Esta Legislatura (a 5ª da história de Arujá) teve seu mandato estendido por mais dois anos (1997 a 1982) por força da Emenda Constitucional nº 14 de 1980. No período de 1/02/79 a 31/01/1981, o presidente da Casa foi Geraldo Larini. Albino Barbosa Neves presidiu o último período – de 1/2/1981 a 31/01/1983.

 

1994

O Legislativo de Arujá conquista sua sede própria. Um prédio de 800 metros quadrados, localizado na rua Presidente Rodrigues Alves, nº 51, em frente à Igreja Matriz do Senhor Bom
Jesus. A inauguração data de 17/12/1994 – primeiro biênio da 7ª Legislatura (93/94). O projeto arquitetônico foi escolhido por meio do concurso “Projete a Casa do Povo” e a obra custeada com recursos orçamentários próprios. Na ocasião, a Câmara Municipal era presidida pelo vereador Genésio Severino da Silva (1/01/1993 a 31/10/1994).
Os dois anos seguintes – 95 e 96- o Legislativo teve como presidente Geraldo Henrique Brasil Larini (1/1/1995 a 31/12/1996). A Sede do Poder Legislativo é denominada Vereador José Sanches de Godoi.

 

2005/2006

É dado início à obra do Anexo 1. Com 640 metros quadrados, a construção possui dois pavimentos e foi edificada com o objetivo de oferecer melhores condições de atendimento à população, de trabalho aos servidores públicos e de acessibilidade a deficientes físicos. É composto pelo Acervo Histórico Vereadora Professora Jupira Maria do Carmo Figueiredo e pelo salão nobre Vereador Francisco Rodrigues de Ávila. Inaugurado em 15/12/2006 foi o primeiro prédio dotado de elevador em Arujá. A Câmara Municipal era presidida pelo vereador Geraldo Henrique Brasil Larini.
Anexo_1

 

2011

Em 7/10/2011 é inaugurado o Anexo 2 da Câmara Municipal. Com 694,5 metros quadrados abriga o
Anexo 2
Complexo Administrativo Vereador Manoel Arão dos Santos e o hall Vereador Mirandy Ferreira Magalhães, que interliga o prédio principal aos Anexos 1 e 2 facilitando o acesso de vereadores, funcionários e frequentadores da Casa Legislativa. O prédio também foi adequado para permitir a acomodação de 15 parlamentares. Na parte inferior, funciona o estacionamento denominado vereador Benedito da Conceição, o Tico (in memorian). Presidia a Câmara o vereador Abel Franco Larini, o Abelzinho.