Legislativo prossegue na segunda-feira (12/3) com convocação de secretários municipais

A Câmara de Arujá dará continuidade nesta segunda-feira (12/3) às audiências com os secretários municipais para apresentação dos planos de trabalho de suas pastas para 2018.

As reuniões públicas foram convocadas pelos vereadores – por meio do requerimento nº 970/2018 – aprovado na Sessão Ordinária de 21/2 e serão realizadas sempre às 18h, no Plenário Vereador João Godoy.

Agora será vez dos secretários de Obras Ciro Dói, de Serviços e de Governo Leandro Larini e de Assuntos Jurídicos e Segurança Pública Carlos Roberto Vissechi.

Os titulares das pastas de Finanças, Planejamento e Desenvolvimento Econômico Inês Rodrigues dos Santos, Juvenal Fernando Penteado e Júlio Taikan Yokoyama, o Júlio do Kaikan,respectivamente, falarão sobre os planejamento de suas secretarias em 19/3.

Encerram o ciclo os secretários de Esportes e Lazer Vicente Nasser do Prado, o Souzão, Cultura e Turismo Joncy José da Silva Filho, Meio Ambiente Ionara Fernandes e Assistência Social Maria Luzia Salles Couto.

As datas foram confirmadas por meio do ofício nº 122/2018 encaminhado pelo prefeito José Luiz Monteiro (MDB) ao presidente da Casa, Abel Franco Larini (PR), o Abelzinho.

Os secretários municipais de Saúde Messias Covre, Educação Márcio José de Oliveira, o Dr. Márcio Oliveira e de Habitação, José Orlando da Silva estiveram na Casa no último dia 5/3.

Transmissão ao vivo

As reuniões são transmitidas ao vivo pelo canal oficial da Câmara no You Tube: www.youtube.com.br/camaradearujaoficial. Depois disso, os vídeos gravados continuam disponíveis para consulta.

Participação do público

Quem comparecer às reuniões, poderá participar de duas formas:

  1. Por escrito: escrevendo sua pergunta em formulário que será oferecido aos participantes na recepção da Câmara.
  2. Na Tribuna: as cinco primeiras pessoas que se inscreverem no momento em que cada secretário iniciar sua explanação.

Não serão respondidas perguntas enviadas pelos canais da Câmara nas redes sociais.

No caso de não existir tempo hábil para que os secretários respondam as perguntas dos munícipes, elas serão encaminhadas ao gestor da pasta para retorno posterior ao autor da questão.