Parque Ecológico de Arujá será denominado Alcy Machado Godoy

06set
image_pdfimage_print

Foi aprovada por unanimidade a iniciativa dos vereadores Abel Franco Larini (PL), Ana Cristina Poli (PL) e Reynaldo Gregório Junior (PTB), atual presidente da Casa Legislativa, de propor o nome de Alcy Machado de Godoy ao Parque Ecológico de Arujá, localizado no Jardim Fazenda Rincão. A propositura foi elogiada em Plenário por diversos parlamentares.

O projeto de Lei nº 211/2019 foi apreciado em 2ª discussão e votação durante Sessão Ordinária de 4/9, que contou com a presença do filho da homenageada Leonardo Godoy e familiares, e recebeu apoio majoritário do Plenário da Casa.

A mineira Alcy Godoy teve sua trajetória marcada pelo ativismo ambiental

Ambientalista obstinada como registra a sua biografia, dona Alcy foi uma das fundadoras da ONG Salvar de Arujá e sócia do Greenpeace, organização mundialmente conhecida pelo ativismo na área ambiental. Era apreciadora das artes e frequentadora assídua de museus, exposições e feiras de artesanato.

Nasceu em Bambuí, Minas Gerais, região da Serra da Canastra, em 7 de setembro de 1935. Chegou a Arujá em 1960 após casar-se com o farmacêutico João Godoy. Com ele, teve quatro filhos: Leonardo, João, Humberto e Marcelo e adotou outros dois: Lydia e Jorge.

Repercussão

“Não tenho palavras para expressar o que sinto e sugiro que esse projeto seja assinado por todos os vereadores sendo oficialmente de autoria do Poder Legislativo”, disse Gabriel dos Santos (PSD), Vice-Presidente da Casa Legislativa ao complementar: “Agora ficará perpetuada a memória da família Godoy em nossa cidade”.

Um dos autores, Abelzinho destacou o fato de a família “fazer parte da história de Arujá”. “É uma honra e um prazer estar nesta Casa de Leis para votar esse projeto”. Ele ainda expressou sua concordância em garantir a autoria da propositura à Câmara Municipal.

Homenagem teve aprovação unânime do Plenário da Casa

“Alcy colaborou muito com a Cultura, trabalhava como artesã e era uma fiel defensora do Meio Ambiente. Foi uma alegria ter apresentado esse projeto e reconhecer a dedicação desta família ao município”, disse Ana Poli.

Renato Bispo Caroba (PT) relembrou sua relação de amizade com Leonardo e confirmou a dedicação de dona Alcy ao Município: “É uma justa homenagem. Parabéns à família. Estou muito feliz em votar esse projeto”.

Os vereadores Edimar do Rosário (Republicanos), o pastor Edimar de Jesus, e Edvaldo de Oliveira Paula (PSC), o Castelo Alemão, também fizeram questão de registrar a satisfação em votar a proposta. “Não conhecia dona Alcy, mas tive a honra de dar parecer nesta propositura como relator especial”, pontuou Pastor Edimar.

Castelo disse ser “gratificante” votar uma matéria como esta, parabenizou os colegas “pela assertividade” e lembrou o fato de o Plenário da Casa denominar-se João Godoy, esposo de dona Alcy. Da Mesa Diretora, Reynaldinho ratificou as palavras elogiosas dos colegas. “Faço das palavras de vocês as minhas”.

Dona Alcy faleceu em 2011, em decorrência de um câncer de pulmão, e foi sepultada ao lado do marido no Cemitério Central do Município.

Câmara Municipal de Arujá

Assessoria de Comunicação

www.camaraaruja.sp.gov.br

imprensa.camaraaruja@gmail.com

silmara@camaraaruja.sp.gov.br

(11) 4652-7015

Publicado em 6/9/2019

Texto: Silmara Helena

Fotos: Imprensa/CMA