Resumo da Sessão: Tragédia em Suzano sensibiliza vereadores

15mar
image_pdfimage_print

O massacre ocorrido na Escola Estadual Raul Brasil em Suzano consternou os vereadores de Arujá. A tragédia que resultou na morte de dez pessoas, entre as quais, os autores do ataque com arma de fogo aos alunos e funcionários da unidade escolar foi tema de pronunciamentos feitos na Tribuna da Casa Legislativa na Sessão Ordinária de 13/3.

Uma nota de pesar foi lida no início dos trabalhos, a pedido do presidente Reynaldo Gregório Junior (PTB), o Reynaldinho: A Câmara Municipal de Arujá lamenta a tragédia ocorrida na Escola Estadual Raul Brasil em Suzano nesta quarta-feira, 13/3. Um ataque com arma de fogo matou pelo menos 10 pessoas – a maioria adolescentes. Um episódio de extrema violência, triste e que nos leva a refletir sobre a sociedade em que vivemos e a que almejamos. O Legislativo de Arujá se solidariza com as famílias sabendo ser impossível mensurar o sofrimento por elas vivido. A todos, nossas mais sinceras condolências.

Sessão destacou tragédia em Suzano

“Quero demonstrar minha tristeza e minha indignação com tanta violência. Venho falando disso aqui e insistindo na necessidade de criarmos políticas públicas e ações efetivas de combate à violência contra adolescentes, idosos e mulheres”, afirmou a vereadora Ana Cristina Poli (PR).

O vereador Edimar do Rosário (PRB), o Pastor Edimar de Jesus, manifestou sua “profunda tristeza e apoio aos moradores de Suzano”.

Também fizeram questão de registrar as condolências os vereadores Renato Bispo Caroba (PT), Luiz Fernando Alves de Almeida (PSDB), Marcelo José de Oliveira (PRB), o Dr. Marcelo Oliveira, e Gabriel dos Santos (PSD).

Sessões

Na última quarta-feira (13/3), foram realizadas duas Sessões Ordinárias – a 87ª e a 88ª – e uma Sessão Extraordinária – a 52ª.

Na primeira, o Plenário discutiu e aprovou 42 Indicações e 30 Requerimentos. Ana Poli (PR) solicitou informações sobre o Conselho do Deficiente Físico (req. nº 1185/19), reiterando o requerimento nº 1356/18, e sobre os convênios destinados ao transporte escolar (req. 1884/19).

Cristiane Araújo Pedro (PSD), a Profª Cris do Barreto, questionou a Prefeitura sobre quais providências estão sendo tomadas para zerar a fila de espera por vagas de creches e se há previsão para construção e instalação de novas unidades (req.nº 1889/19).

As condições da piscina da Escola Municipal Hermínia Araki continuam preocupando o Pastor Edimar de Jesus (PRB). Ele formulou pedido de informações ao Poder Executivo no qual questiona a viabilidade de construção de vestiários e instalação de aquecedor no equipamento (req. 1894/19).

Rafael Santos Laranjeira (PSB) indaga a Prefeitura de Arujá sobre a existência de plano de melhorias das rotatórias e avenidas localizadas no Centro de Arujá (req. 1903/19). Edval Barbosa Paz (PSDB), o Profº Edval, requereu providências quanto à manutenção das pontes que ligam Arujá e Santa Isabel na divisa com a região do São Domingos (req. 1899/19).

A lista de obras públicas em execução e as planejadas para o 2º semestre de 2019 foi solicitada pelo parlamentar Sebastião Vieira de Lira (PSDC), o Paraíba Car, por meio do requerimento nº 1908/19.

Nove projetos entraram para Leitura no Expediente sendo três de autoria do Poder Executivo e dois da Mesa Diretora.

88ª Sessão Ordinária

Nove requerimentos foram votados e aprovados na 88ª Sessão Ordinária, além de quatro Moções. Dr. Marcelo Oliveira (PRB) apresentou Moção de Parabenização (nº 121/2019) em nome do fotógrafo Victor La Corte. Em conjunto com o Pastor Edimar de Jesus (PRB) o parlamentar também parabenizou por meio da Moção nº 122/19 o atual deputado federal Marcos Pereira do seu partido. Reynaldinho (PTB) dedicou uma propositura ao jovem Enzo Joccoud Larini por ter passado no vestibular da Unicamp.

Reynaldinho solicitou suspensão da Sessão Ordinária para registrar presença dos homenageados

Por fim, a vereadora Ana Poli (PR) teve aprovada Moção de Apelo (nº 124/19) à Anatel para que em audiência na Câmara de Arujá discuta melhorias na prestação dos serviços de telefonia no Município.

O Plenário ainda votou na Ordem do Dia o veto total do prefeito ao projeto de Lei Legislativo nº 160/18 de autoria do vereador Rafael Santos Laranjeira (PSB) que criava a Semana de Orientação Profissional para o Primeiro Emprego nas escolas públicas do município. O veto foi acatado.

Passaram em 2ª discussão e votação os projetos de Lei nº 8/2019 e 104/18 de autoria do Poder Executivo. E em 1ª discussão e votação o projeto de Lei nº 182/2018 de autoria do Pastor Edimar de Jesus que trata da obrigatoriedade de afixação de cartazes alertando o consumidor sobre os riscos da automedicação.

O vereador Renato Bispo Caroba (PT) apresentou e teve aprovado pedido de vistas do projeto de Lei Legislativo nº 146/2018 proposto pelo Poder Executivo que dispõe sobre o horário de funcionamento das adegas no município.

52ª Extraordinária

Na Sessão Extraordinária convocada pela Presidência para 13/3 foi aprovado em 2ª discussão e votação o projeto de Lei nº 155/19 referente à abertura de crédito adicional no valor de R$ 500 mil. Os recursos oriundos de emenda parlamentar do deputado federal Roberto de Lucena (PSD) deverão ser aplicados na área de segurança pública.

Todos os vídeos da Sessão estão disponíveis no canal oficial da Câmara no YouTube.


Câmara Municipal de Arujá

Assessoria de Comunicação

www.camaraaruja.sp.gov.br

imprensa.camaraaruja@gmail.com

renan@camaraaruja.sp.gov.br

(11) 4652-7015

Publicado em 15/03/2019

Texto: Silmara Helena

Fotos: Imprensa/CMA