Saúde abre inscrições para formar Comitê de combate ao mosquito da Dengue

14jan

Estão abertas até 29 de janeiro as inscrições para os interessados em integrar o Comitê Municipal de Mobilização Social para as Ações de Prevenção e Controle da Dengue, Chikingunya e Zika.

Comunicado_Comitê

Comunicado feito pela Secretaria sobre formação do Comitê no Diário de Arujá, edição de 6/01/2016

O objetivo da convocação, segundo a secretária de Saúde Clarinda de Fátima Carneiro, é mobilizar a sociedade para o combate à proliferação do mosquito Aedes Aegypti principalmente neste período de janeiro a abril – considerado um dos mais críticos do ano. Em 2015, foram registrados 280 casos de dengue em Arujá e no início de 2016 confirmado o primeiro (importado) de microcefalia – doença causada pelo Zika vírus que também é transmitido pelo Aedes Aegypti.

“Queremos organizar o maior número de pessoas possível para nos ajudar na conscientização da população e na redução dos focos do mosquito nos diversos bairros da cidade”, explicou a secretária. O Comitê pode ser formado pela participação voluntária de cidadãos, de membros indicados pela sociedade civil e de órgãos públicos de qualquer esfera.

14.01.16_Clarinda_editada

Clarinda Carneiro, secretária de Saúde

O esforço da Prefeitura será trazer representantes de associações de bairro, entidades, organizações sociais, condomínios, secretarias municipais e Judiciário. O mosquito está na casa das pessoas e a atuação precisa ser compartilhada”, salientou Clarinda ao afirmar que a responsabilidade em combater a dengue e as outras doenças causadas pelo Aedes Aegypti deve ser de todos.

Para se inscrever, basta comparecer à Secretaria (Rua Major Benjamin Franco, 425, Centro) de segunda a sexta-feira das 9h às 16h. Mais informações podem ser obtidas pelos telefones: 4652-1079 ou 4653-2020 ou pelo email: saude.ve@aruja.sp.gov.br.

Comitê
Criado por meio do decreto nº 6527 de 8/12/2015, o Comitê tem a função de apoiar a ação pública municipal no acompanhamento e intensificação de ações previstas no Programa Nacional de Controle da Dengue, bem como nas ações correlatas, evitando a proliferação do mosquito. Ainda que tenha considerado alto o número de casos de dengue registrados na cidade no ano passado, Clarinda garantiu que não há risco de surto da doença em Arujá.

 

Câmara de Arujá
Assessoria de Comunicação
imprensa@camaraaruja.sp.gov.br
4652-7015
Publicado em 14/01/2016

image_pdfimage_print