Superlotado, pátio de veículos opera com número de carros 55% maior que capacidade

02fev
image_pdfimage_print

Superlotado, o pátio municipal de veículos de Arujá se tornou um problema para a Prefeitura e para a cidade. Atualmente, 543 carros e motos se amontoam em uma área que deveria acomodar apenas 350 – ou seja, um número 55% superior à capacidade do local.

A gravidade da situação é reconhecida pelo Departamento Municipal de Trânsito que vê como única solução a realização de leilões. “Está acima do aceitável”, admitiu o assessor Leandro Falasca Batista ao relatar a precária situação do local. “Há riscos de proliferação de dengue, incêndio, furto, acidente de trabalho e contaminação ambiental”, relatou.

A informação foi enviada ao vereador Gilberto Daniel (PRB), o Gil do Gás, que solicitou à administração municipal, por meio do requerimento 1460/14, informações sobre a possibilidade de destinar uma nova área para atender a demanda. “A atual, situada no bairro Nova Arujá, está tomada pelos veículos e o descaso é notório, pois os carros ficam uns sobre os outros, sendo danificados e amassados, colocando em risco o patrimônio de quem teve o seu carro levado ao pátio”, explicou.

Conforme resolução do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) cabe a quem recolhe os veículos realizar o processo de venda pública. A Prefeitura encaminhou ofício à Polícia Civil solicitando providências. A assessoria de Imprensa do Detran-SP informou que pretende realizar leilão de veículos ainda este semestre. Do total de veículos existentes no pátio, 160 são de responsabilidade do órgão, e três da Prefeitura.

“Desde novembro de 2013 não é realizado leilão e, mesmo que arrumemos um outro local, ele rapidamente ficará lotado”, afirmou o diretor municipal de Trânsito, Thiago Silva. O prazo para realização de leiloes é de 90 dias após a apreensão para os casos de veículos que não tenham pendências judiciais.

Câmara de Arujá
Assessoria de Comunicação
4652-7015
imprensa@camaraaruja.sp.gov.br
Publicada em 02/02/2015
Foto:Prefeitura de Arujá