Vereadores questionam Prefeitura sobre realização do Outubro Rosa

06set
image_pdfimage_print

Abelzinho, presidente do Legislativo, assinou requerimento solicitando informações sobre o Outubro Rosa

Com o objetivo de fazer cumprir a Lei Municipal nº 2770/15, de autoria da ex-vereadora Maria Lúcia de Souza Ribeiro, a Lúcia Ribeiro, que institui a campanha Outubro Rosa de combate ao câncer de mama e do colo do útero no município, a Câmara de Arujá aprovou requerimento (nº 628/17) pelo qual questiona a Prefeitura sobre a programação prevista e o planejamento de comunicação a ser desenvolvido para divulgação da atividade.

A propositura, aprovada na sessão ordinária de 4/9, foi assinada de forma conjunta pelos parlamentares Abel Franco Larini (PR), o Abelzinho, presidente do Legislativo, Cristiane Araújo Pedro (PSD), a profª Cris do Barreto, Paulo Henrique Maiolino (PSB), o Paulinho Maiolino, e Ana Cristina Poli (PR), a Ana Poli.

Ana Poli salientou importância da campanha para as mulheres

Na justificativa, os vereadores ressaltam que o Outubro Rosa é uma atividade de alcance mundial e marca a luta contra o câncer, principalmente, entre mulheres.

Maiolino também requereu ao Presidente iluminar o prédio da Câmara

O Legislativo também pergunta à administração municipal sobre a possibilidade de iluminar os prédios públicos com a cor rosa como forma de chamar a atenção da população e inserir o maior número de pessoas nas ações de prevenção à doença.

A Prefeitura tem prazo de 15 dias para enviar resposta ao Legislativo.

Câmara Rosa 

Os vereadores Paulinho Maiolino, Ana Poli e a Profª Cris do Barreto também decidiram indagar o presidente da Casa, Abelzinho, sobre a possibilidade de o prédio do Legislativo ser iluminado na cor rosa durante o mês de Outubro. O requerimento nº 629/17 foi discutido e também aprovado na sessão de 4/9.

 

Assessoria de Comunicação

imprensa.camaraaruja@gmail.com

imprensa@camaraaruja.sp.gov.br

(11) 4652-7015

Publicado em 06/09/2017

Fotos: Imprensa/CMA